71 9.9356.9036

Passear pelos vinhedos, participar da colheita da uva, conhecer de perto o preparo do vinho.

Esse já foi um sonho distante para muita gente. Um roteiro que, até há alguns anos, só seria possível na Europa ou no sul do Brasil, mas que está se consolidando no Nordeste, na região baiana do Vale do São Francisco, segundo pólo produtor do vinho nacional

Os roteiros incluem city-tour na cidade de Juazeiro e visita à Barragem do Sobradinho, para ver de perto o maior lago artificial do mundo e a eclusagem, uma espécie de elevador, que sobe e desce em função da água que entra e sai do reservatório. A gastronomia local pode ser apreciada no Bodódromo, espaço com dez restaurantes que servem carne de bode, de carneiro e outras comidas típicas do Sertão.

O alto teor de açúcar é a principal marca dos vinhos do Vale do São Francisco, característica provocada pela exposição ao sol durante mais de três mil horas por ano. A qualidade dos vinhos vem sendo reconhecida com a conquista de inúmeras medalhas de ouro e de prata em concursos nacionais e internacionais.