71 9.9356.9036

Salvador tem mais de 300 igrejas seculares. Costuma-se dizer na cidade que existe uma igreja diferente para ser visitada a cada dia do ano.

Bonfim, São Francisco, Conceição da Praia, Rosário dos Pretos e Catedral Basílica são alguns exemplos de templos católicos mais visitados por turistas.

A Igreja do Bonfim é conhecida pela fé que os baianos nutrem pelo Senhor do Bonfim. Dentro da Igreja, na Sala dos Milagres, são deixadas fotos e réplicas de partes do corpo humano pelos devotos, em agradecimento a alguma cura, após as promessas e pedidos à divindade.

Na porta da igreja são vendidas as famosas fitinhas do Senhor do Bonfim. Os devotos costumam atá-las ao pulso com três nós. Para cada nó, faz-se um pedido. A crença reza que, quando a fita se rompe, os pedidos foram atendidos.
No Terreiro de Jesus, Centro Histórico, encontra-se a Igreja de São Francisco, considerada uma das mais ricas e belas do País. Na sua construção foram utilizados materiais diversos, da pedra lioz ao ouro, para revestir interiores. A fachada barroca é de 1723, como também os painéis de azulejos portugueses. Na sacristia estão reunidos 18 painéis à óleo, sobre a vida de São Francisco.